quinta-feira, 29 de abril de 2010

Zzzumbi...


A transição da Manu para a caminha tem sido boa na maioria das noites, como eu disse anteriormente noite dessas ela não quis nem vir pra nossa cama. O problema é que a baixota perde a chupeta inúmeras vezes durante a noite. Ali do meu lado eu sem nem abrir os olhos caçava a chupeta e devolvia na boca (as vezes nos olhos, ouvidos), nem fazia diferença no meu sono. Mas tem noites que a coisa fica punk e essa foi uma delas, a Manu acordou seis vezes... ó céus, lá pela quarta vez eu quase errei a porta e bati de cara na parede, um cansaço, um sono que parecia tomar conta de mim.

Justo eu que sempre fui “boa de cama”, nem sei mais o que significa dormir uma noite todinha, mas também sem reclamações vai, é umas das contas que se paga pela maravilhosa arte de ser mãe, eu ouvi dizer que nunca mais a gente dorme né... ai ai!
Pensando bem deve ser bem melhor não dormir por uma chupeta perdida do que perder o sono quando a cria resolver sair debaixo das nossas asas tão confortáveis e querer descobrir o mundo nas baladas da vida... é e com certeza todas nós pobres mães passaremos mais essa fase, melhor não começar a sofrer por antecipação.

Sinto-me até agora com areia nos olhos, noite completamente mal dormida e hoje um dia cheio pela frente, muito trabalho, depois tenho que ir ao banco, voltar aqui e mais trabalho, depois do expediente manicure, à noite reuniãozinha super com as amigas e bebês, essa parte eu adooooro, e eu aqui escrevendo no blog... hehehehe, a eu preciso de um tempo pra mim, para meus hobbys! Em falar em tempo pra mim, para minhas coisas eu estou desenterrando um sonho que tava guardadinho, to feliz feliz! Conto depois! Deixa eu voltar ao trabalho aqui! rs

Beijos!

5 comentários:

  1. aiii..essa sensação de areia nos olhos é cruel meeesmo...confesso que ela é uma das minhas causas que adio a possibilidade de da rum irmaozinho(a) para Enzo ,sabia??rsrsrs..e que agora que ele ja ta grande,que minhas noites de sono são normais..ai começar tuuuudo d eno me desencoraja um pouquinho(pouquinho??)rsrsrs..o bom é que passa,amiga!!!rsrsrs..
    bjs e boa quinta feira p vcs! ;-)

    ResponderExcluir
  2. Mari, sei bem como é isso... A Ana já dormiu em tudo quanto é canto da casa... hahahahahaha... Primeiro no carrinho, depois no berço desmontável (tudo no meu quarto). Daí, quando ela tinha uns 9/10 meses, foi pro berço no quarto dela. As primeiras noites foram "tranquilas". Depois o quarto dela mudou de cômodo. E ela continuou o berço. Acordava vááááárias vezes e só sossegava depois de um colinho básico. Até que um dia ela "saltou" do berço. Nossa, que horror. Tomei o maior susto quando vi ela fora do berço e com sangue no chão (não foi nada, ela saltou e mordeu a boquinha), mas bastou pra ela ir pro nosso quarto. Entonces, a gente segue com a Cama Compartilhada. É gostoso e tals, mas já estou ficando meio "estressada". Mas daí eu lembro das acordadas dela e desisto. Hahahahaha
    Mas desse ano não passa... até porque logo vamos encomendar mais um bebê e não quero que ela ligue a gravidez com a transição.
    No mais, força na peruca que tudo vai dar certo!
    Beijokas

    ResponderExcluir
  3. Nossa, amiga, essa é talvez a parte que mais me assuste na maternidade, NÃO DORMIR!!!
    Eu durmo mto, e amooooo dormir, dá até arrepios de pensar nessa parte...aiai....

    Bjinhosssss

    ResponderExcluir
  4. Putz mari eu tbem tenho noites pessimas com o Sr. Gustavo e olha q ele já vai fazer 3 aninhos .... Bom é isso mesmo, com a maternidade adeus a noites inteiras e bem dormidas ! Mas se esse é o preço da felicidade eu pago ! hehehe
    beijos A Manu tá cada dia mais lindaaaa

    ResponderExcluir
  5. Ai ai ai Mariane, eu te avisei... rs
    Sim, mas mil vezes essas noites sem dormir do que as que eu passo hoje. Mas vcs também vão passar, se Deus quiser, amém!
    Faz parte.

    ResponderExcluir